idosos

Já parou pra pensar nisso?

Hoje, além de ser o início de um novo mês, é a data quando celebra-se o Dia do Idoso, pelo menos aqui no Brasil. O objetivo dessa comemoração é valorizar a vida do idoso. Infelizmente, muitas pessoas agem como se a população que integra a terceira idade, não fazem parte da população ou não tem mais nenhuma “serventia”.

Até o ano de 2006, o Dia do Idoso era comemorado no dia 27 de setembro porque em 1999 a Comissão pela Educação, do Senado Federal, havia instituído tal data para a reflexão sobre a situação do idoso na sociedade. Rever qual a realidade dessa parte da população com relação à saúde, convívio familiar, abandono, sexualidade, aposentadoria etc.

Para a ONU é de suma importância que os idosos tenham assegurados os seus direitos de integração e participação na sociedade, bem como sua independência. A eles devem ser garantidas oportunidades de trabalho, assim como de lazer, além de condições para viver em ambientes seguros.

Recentemente foram até adotadas novas medidas para tornar mais seguras a vida dos idosos. Por exemplo, os faróis que tem maior tempo de travessia e iniciam a piscar no vermelho, antes de abrir o farol para os carros. Aos idosos também são garantidos o direito de transporte gratuito, assim garantindo sua liberdade e independência.

Alguns programas de viagens foram criados para esse público alvo, cujo o objetivo é incentivar viagens no território brasileiro e disponibilizar uma opção de lazer para os idosos. Aqui em São Paulo, mais precisamente no Parque da Água Branca, fica localizada a Oficina Cultural da Terceira Idade. Nela são oferecidos inúmeras atividades culturais – como pintura, fotografia, teatro e afins.

Ainda na parte cultural, aos idosos também são garantidos os benefícios de meia entrada e fila preferencial. Ou seja, mais uma forma de incentivo para que eles possam ter uma vida social mais ativa. No entanto, mais importante do que abrir oportunidades para esse público, é preciso incentivar os jovens e adultos a manterem uma vida saudável, para que possam envelhecer com saúde e, mais que isso, a entender que tudo que temos hoje, devemos as gerações passadas. Sendo assim, a eles devem ser dado todo o nosso respeito

Enfim, o dia 1º de outubro é reservado para pensar sobre todas essas questões fundamentais a respeito do idoso. Aproveite você também esse dia para pensar em duas coisas. Primeira: o que você faz para garantir uma “velhice” saudável? E a segunda: como você trata os idosos? Pense mais sobre o assunto e um bom final de semana.