Que tal ter uma peça exclusiva gastando pouco?

É triste a realidade, mas estamos vivendo tempos de crise. Economizar o máximo é o objetivo de todas as pessoas e famílias. Algumas pessoas tendem a cortar gastos considerados supérfluos, dentre eles as compras de vestuário, já que comprar roupas novas nessa época pode ser um pouco delicado, já que a economia está muito instável e não há nenhuma garantia de estabilidade. Mas isso não quer dizer que você não pode ter roupas novas.

Como assim? Nós estamos falando de reformar as próprias roupas. Atos como esses podem gerar uma economia de de 40% nos gastos. E para isso existem duas opções. A primeira é levar em uma costureira ou alguma loja especializada em reforma de vestuário (como é o caso da loja Heel Quik). Nessa opção você terá o gasto de mão de obra dos funcionários.

A maior parte das pessoas buscam esse tipo de reforma por ganho ou perda de peso, mas existe uma outra maneira de renovar o guarda roupa que é a customização. Nessa opção você também pode levar em um profissional, mas fica muito mais legal se você mesmo tentar fazer as suas peças e montar um guarda-roupa exatamente com a sua cara.

Pra isso, você precisará de alguns itens, como tesoura, cola, agulha, linha e algumas outras coisas que façam parte do seu estilo. Podem ser rendas, spikes, fitas e/ou adesivos colantes. Se você quiser inspiração, basta buscar no google ou no youtube, que logo aparecerão muitas opções. Caso você não encontre, busque pela tag DIY – de Do It Yourself ou faça você mesmo) e tenha roupas exclusivas.