Foto de Douglas Braga

Pense + poesia

“Já tive ouro e fui dona do tempo

Mandei no vento e paguei

um prato de comida à vista.

Mas, em nenhum momento na vida

tive o poder de comprar a dor da partida, a dor da saudade

que mata e fim.”

(Audelina Macieira)